Espaço BSM

12/17

Cortinas para sala: saiba como escolher o modelo perfeito para você

Tire suas dúvidas e inspire-se com ideias incríveis que vão te ajudar a deixar sua sala mais aconchegante

 

As cortinas na sala, independente do modelo, têm várias funcionalidades e acabam sendo indispensáveis nesse ambiente. Além da privacidade, a cortina protege os móveis da claridade excessiva, ameniza o vento e evita reflexos na televisão, por exemplo.

 

Alguns pontos devem ser levados em consideração na hora de escolher a cortina para a sua sala. O material utilizado deve ser fácil de limpar e precisa se adequar ao efeito que você deseja dar ao ambiente.

 

O estilo do ambiente também precisa ser levado em consideração. Se sua sala for clássica, opte por tecidos mais nobres que tenham caimento e que se ajustem a um varão ou trilho. Já se você é adepta de um estilo contemporâneo e sua sala é mais moderninha, uma persiana pode compor muito bem esse ambiente.

 

Além de suas funções práticas, a cortina é parte da decoração e pode deixar tudo mais charmoso e harmonioso, é só saber combinar e soltar a criatividade.

 

Qual o modelo ideal para a sua sala?

 

Ter uma cortina na sala é essencial, disso você já sabe. Agora, qual modelo escolher? A designer de interiores Mariana Vigné, da Duplex Interiores, explicou as singularidades de cada modelo para te ajudar a escolher qual é mais adequada ao seu ambiente.

 

Varão

 

 

A maior vantagem dos varões é que eles são fáceis de instalar e têm um valor acessível. Segundo a designer de interiores, a cortina no modelo varão é perfeita para ambientes mais rústicos. Uma dica é optar por um varão em madeira.

 


 

Trilho

 

 

O modelo de trilho é o mais comum, mas exige alguns complementos para que o ambiente fique harmonioso. É preciso esconder o trilho com um bandô ou fazer um cortineiro de gesso para escondê-lo, sugere Mariana. Ter cuidado na hora de abrir e fechar essa cortina também é importante. Se você fizer um movimento muito rápido, a cortina pode sair dos trilhos.

 


 

Romana

 

 

A cortina no modelo romana é supercharmosa e chique. O único ponto negativo, segundo Mariana, é que é preciso ter espaço para quando ela estiver totalmente recolhida, geralmente o tamanho de um “gomo” dela. Se a sua sala for grande e tiver bastante espaço, a cortina romana é uma ótima indicação.

 


 

Rolô

 

 

“Bem simples, custo baixo e instalação simples e rápida!”, afirma a designer de interiores Mariana Vigné. Assim como a romana, ela precisa de um espaço maior para o recolhimento. Ela pode ser composta com uma cortina de tecido mais fluido para deixar o ambiente com um toque de charme.

 


Painel

 

 

 

A cortina em painel tem as mesmas características da romana. Quando elas estão fechadas são muito parecidas. A cortina painel funciona como uma porta de correr, ideal para quem não abre mão da praticidade. Uma dica legal que a Mariana dá é ornamentar a cortina com amarrações de fitas e detalhes nas molduras.

 


Persiana horizontal

 

 

Elas são práticas e as opções de cores, materiais e acabamentos são diversas. A designer de interiores diz que, apesar de sua versatilidade, elas não deixam o ambiente muito aconchegante.

 


Persiana vertical

 

 

Assim como as persianas horizontais, as verticais são versáteis e modernas. Se a sua sala tiver um ar mais contemporâneo, elas podem ser uma boa pedida!

 

Assim como cada modelo tem sua particularidade, as salas também têm necessidades diferentes. Agora cabe a você escolher qual cortina é a ideal para a sua sala ficar bonita e com a sua cara.

 


Cor: um fator que faz toda a diferença

 

 

A escolha da cor de qualquer objeto é uma decisão muito pessoal. No caso das cortinas para a sala não é diferente. Se você gosta de cores mais marcantes e escuras, pense em usá-las em detalhes na decoração, pois essas cores tendem a enjoar com o passar do tempo. Opte por tons neutros e claros nas cortinas, dessa forma sua sala ficará aconchegante e transmitirá calma. Se você quer bloquear a luz externa, não use cortinas escuras. Nesses casos é mais indicado utilizar um blackout com uma cortina por cima. A designer de interiores Mariana Vigné diz que os tecidos mais usados nas cortinas para a sala são linho, gaze de linho e voil.

 

Fonte: DicasdeMulher.com.br